0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

RIO – Skoob é a primeira rede social dedicada a livros do país, aumentando seu número de usuários a cada dia, desperta em muitos a curiosidade de saber como foi concebida e como é pensada até hoje. E é isso que nos conta um pouco Lindenberg Moreira que é analista de sistemas e um dos fundadores do Skoob.

 

Hanna Gledyz: Como surgiu a ideia da construção do Skoob?

Lindenberg Moreira: A ideia surgiu por acaso, estava conversando com alguns amigos sobre alguns livros, cada um tinha uma opinião diferente sobre eles, uns tinham gostado e outros não, na hora eu perguntei se havia algum lugar na Internet onde fosse possível ver a opinião de outras pessoas sobre os livros, como ninguém conhecia um lugar assim, achei que seria interessante criar uma rede social onde fosse possível trocar nossas experiências literárias.

H. G.: Como foi montada a equipe? Quais são os profissionais envolvidos na administração do Skoob atualmente?

L. M.: A ideia inicial não era transformar o Skoob em uma grande rede, ou ainda em um negócio, não sabíamos que ele seria tão bem aceito pelos leitores e que cresceria tão rapidamente. Apenas no primeiro mês tivemos mais de 7 mil usuários cadastrados, hoje estamos chegando a 500 mil usuários e o crescimento segue com uma média de 30 mil novos usuários por mês. Por não ter o objetivo de virar um negócio, a equipe acabou sendo montada aos poucos, conforme a rede foi aumentando em número de leitores e também de acessos, fomos chamando os profissionais com os perfis necessários para manter o funcionamento e o crescimento do Skoob. Vale ressaltar que a rede é colaborativa, ou seja, o usuário, que em nosso caso é o leitor, participa ativamente da criação da mesma, por exemplo, toda nossa base de livros, hoje já está chegando à marca de 700 mil livros, foi construída pelos nossos leitores.

H. G.: Você acredita que o Skoob contribui para que as pessoas se interessem mais por leitura?

L. M.: Todos os nossos usuários dizem que o Skoob incentiva a leitura, e que começaram a ler muito mais depois de participar da rede. Me coloco como exemplo. Sempre li bastante, porém a maioria dos livros eram técnicos e ligados à minha área profissional, depois de conhecer algumas pessoas no Skoob e conversar com elas, acabei tendo curiosidade em ler livros e conhecer autores que antes nem sabia que existiam, acabei ficando totalmente apaixonado por Kafka, Nietzsche, Saramago, Oscar Wilde e vários outros. Sem o Skoob eu não teria conhecido estas pessoas que me mostraram o lado mágico de um bom livro.

H. G.: Quais os principais serviços oferecidos?

L. M.: O principal serviço que o SKOOB oferece é o compartilhamento de informações literárias, para isso desenvolvemos dezenas de ferramentas que ficam disponíveis para todos os usuários da rede. Depois de cadastrado cada leitor pode montar a sua estante virtual com os livros que já leu, está lendo, vai ler, releu ou abandou. Pode ainda fazer resenhas, criar históricos de leitura, avaliar os livros, criar listas de livros desejados, favoritos, avaliar seus autores preferidos, e ainda disponibilizar seus livros para trocas com outros leitores da rede.

H. G.: Como funciona o Perfil Plus?

L. M.: Temos um relacionamento muito estreito com os usuários, recebemos centenas de sugestões todos os meses e a campeã em pedidos era criar uma funcionalidade para que eles pudessem trocar seus livros, foi com este objetivo que criamos o perfil PLUS. Ele é totalmente gratuito, o usuário se cadastra no Skoob e clica na opção para se tornar um usuário PLUS, assim, toda vez que ele colocar um livro na sua estante virtual e marcar este como “troco”, os outros usuários PLUS irão tomar conhecimento do livro e poderão solicitá-lo. Esta opção foi criada em abril de 2011 e mais de 30 mil livros já foram trocados desta maneira. Dentro do SKOOB temos um grupo chamado “EU SOU PLUS”, que serve para tirar todas as dúvidas dos usuários que querem trocar seus livros e desejam entender perfeitamente o funcionamento do sistema, só neste grupo já temos mais de 15 mil usuários ativos.

H. G.: Como surgiu a idéia dos encontros Skoob?  Quais os objetivos deles? Quando acontecerão os próximos?

L. M.: Como quase tudo no Skoob, a ideia dos encontros partiu dos próprios usuários, desde o início eles organizam e marcam tudo. Em maio de 2009 ficamos sabendo que iria ocorrer o primeiro encontro de Skoobers no Rio de Janeiro, compareceram aproximadamente 18 pessoas, este encontro começou a acontecer todos os meses, sempre organizado pelos usuários, que definem o local, horário, temas que serão debatidos, brincadeiras e sorteios que irão acontecer nos encontros, geralmente conseguimos alguns brindes, livros com as editoras e a presença de autores nacionais, assim os encontros ficam ainda mais interessantes. Hoje eles acontecem em vários lugares do Brasil: São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Curitiba, Manaus, Santa Catarina e muitos outros. A forma mais simples de saber se existe um encontro na sua cidade é entrar no Skoob e procurar nos grupos, por exemplo, o grupo do Rio se chama SkoobersRJ, lá eles informam as datas e horários do próximos encontros.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Henrique Kelmer

Próximo post

Molly Raphael

1 Comentário

  1. 22 de abril de 2013 a 2:17 —

    Não conhecia!! Amei conhecer! vou me cadastrar!!!

Deixe uma resposta