0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+
Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil
Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

O Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio de Janeiro (SEPE/RJ) convocou todos os profissionais da educação para uma paralisação de 24 horas no dia 03 de fevereiro de 2016, quando ocorrerá um ato unificado dos servidores estaduais na Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ), às 15 horas.

A categoria está em estado de greve desde dezembro de 2015, quando o Governador Luiz Fernando Pezão decidiu parcelar o pagamento do 13º salário em cinco vezes, dividiu o pagamento do salário de novembro e mudou o calendário de pagamento dos salários do início do mês para o 7º dia útil.

No dia 28 de janeiro de 2016 o Tribunal de Justiça concedeu liminar a uma associação de servidores, determinando que o Governador pague os salários de todos os servidoresaposentados e pensionistas dentro do calendário normal, caso contrário será aplicada uma multa pessoal fixada em R$ 50 mil por dia de atraso nos pagamentos..

Além disso, no final de janeiro de 2016, Pezão anunciou que irá mandar à ALERJ um projeto de lei que aumenta a contribuição dos servidores, aposentados e pensionistas para o Rio Previdência. A SEPE/RJ que também haverá paralisação no dia da votação desse projeto.

Com informações do SEPE/RJ.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Bibliomundi de Literatura abre inscrições

Próximo post

Programa Iberoamericano de Bibliotecas Públicas, IBERBIBLIOTECAS

Sem comentários

Deixe uma resposta