0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Por Lucas Rabello, do site ocientista.com.

Antes de leitores digitais, era assim que as pessoas carregavam sua coleção de livros

A geração de hoje mal conhece o prazer de ler livros reais. Em vez de capas de couro e páginas de papel, eles estão mais acostumados a uma interface digital brilhante e interativa. Transportar seus livros favoritos é agora mais fácil do que nunca, mas ávidos leitores sempre quiseram manter seus livros favoritos na ponta dos dedos. É por isso que, séculos atrás, alguém inventou esta criação curiosa.

Pode parecer apenas mais um grande livro do lado de fora…

obra_rara_01

Mas quando aberto, três prateleiras de livros em miniatura são revelados.

obra_rara_02

Este é um dos únicos quatro que existem, que remonta a 1617.

obra_rara_03

Você pode precisar de uma lupa para lê-los, mas os livros incluem principalmente textos clássicos. 

obra_rara_004

A capa interna possui um ornado de colunas e arcos com textos explicando as categorias de livros encontradas em cada prateleira.

obra_rara_05

Três seções: filosofia, história e poesia.

Incluem-se obras de Cícero, Virgílio, Ovídio, Sêneca, Horácio, e Júlio César.

obra_rara_06

Segundo informações, um homem chamado William Hakewill MP encomendou este ” Kindle jacobino” para um amigo dele. Dentro dos próximos cinco anos, Hakewill iria passar a encomendar mais três para os amigos.

obra_rara_07

O velho mundo encontrando o novo.

desktop-1416246266

A coisa toda não parece muito maior do que um iPad, mas um pouco mais volumosa.

As outras versões podem ser encontradas na Biblioteca Britânica, Biblioteca Huntington, na Califórnia, e no Museu de Arte de Toledo, em Ohio, EUA.

Cada um dos 50 livros estão em condições notáveis, apesar de muitos anos terem se passado.

desktop-1416246267

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

The Librarians

Próximo post

Cultura do best seller

Sem comentários

Deixe uma resposta