Posts na categoria

Opinião

Gae-Ttong-Nyue e Maria Clara. Você provavelmente não conhece essas pessoas, mas já falou, ouviu, comentou, riu, viu ou compartilhou com os amigos algum vídeo delas. Sorria, você possivelmente já foi registrado pagando algum …

“Se o cara é inocente, paga mais, porque é bem mais complicado defendê-lo”. É exatamente esse o clima do livro! O advogado Michael Haller, personagem principal, é atormentado por um único medo: o de …

Não importa a palavra nessa corriqueira. Quero é o esplêndido caos de onde emerge a graça do amor, a cegueira da paixão. E o escuro onde nasce a solidão, a angústia, a saudade, …

T. H. Huxley foi um biólogo e um dos principais cientistas ingleses do século XIX; é ele o autor do Teorema do Macaco Infinito. Segundo essa teoria, se fornecermos a um número infinito de macacos um numero …

Aparentemente simples história de um pobre sapateiro, Max Kutner, que foge para o Brasil em busca de novos ares e novas oportunidades, não é tão simples assim. Tudo começa quando descobrimos que Max …

Não há mais tempo para o lúdico, não, não há. Já não há ruas pra eu correr e eu quero gritar, quero olhar as caras de sol nas bancas de revista, caminhar contra …

Tarde dessas, uma bem comum com nuvens cinza, e sem nada de especial, comecei a viajar nos meus pensamentos sobre deficiências… Particularmente sobre as minhas. Sim, sou um deficiente! Acredito que todos são …

Continuando a série de paper sobre organismos internacionais que atuam na área da Biblioteconomia, nesta edição, abordarei sobre a American Library Association (ALA), suas diretrizes e documentos  para serviços e produtos das bibliotecas. Fundada em …

“Superação de paradigmas” é uma frase batida, quase um clichê, entre os acadêmicos, em especial os da Biblioteconomia. Paradigma, do grego parádeigma, significa literalmente modelo, ou seja, um padrão a ser seguido. Lendo …

Todos já estão indo embora, a festa acabou. A grande festa acabou e é um dia triste por aqui. As ruas estão vazias por onde o bloco passou e a banda, que calou …