5
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

A Editora da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) está disponibilizando, para download gratuito, cerca de 180 livros em duas importantes plataformas de publicação online de livros e pesquisas acadêmicas: a Rede SciELO Livros e o Arca, seu repositório institucional.

No SciELO Livros, a Editora Fiocruz conta atualmente com 285 títulos disponíveis, sendo 182 em acesso aberto. Os outros 103, que estão em modalidade comercial, têm preços bem abaixo do valor do exemplar impresso: 40% de desconto. A aquisição desses livros pela plataforma pode ser feita nas lojas Amazon, Google Play e Kobo Books. Já as obras livres podem ser baixadas em PDF ou em EPUB, formato específico para livros digitais.

Dos cerca de 480 títulos de seu catálogo, mais da metade está disponível no SciELO Livros. A plataforma maximiza a visibilidade, a acessibilidade, o uso e o impacto dessas obras. Os textos em formato digital são legíveis nos leitores de e-books, em tablets, smartphones e nas telas de computador, amplificando o acesso à leitura em diversas plataformas.

São livros das mais diferentes temáticas, com base em pesquisas de excelência acadêmica nas áreas de saúde e políticas públicas. Obras escritas por pesquisadores, professores, especialistas e gestores de saúde das mais diversas instituições de ensino, pesquisa e ciência do país e de várias partes do mundo.

Isso inclui volumes em parceria com órgãos como Organização Mundial da Saúde (OMS) e Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). É o caso de Caminhos da Saúde Pública no Brasil, publicado em 2002 como parte das comemorações do centenário da Opas no Brasil.

São muitos os livros que têm forte relação com o atual contexto da pandemia do novo coronavírus. Na importante interface entre história e saúde, volumes como A Gripe Espanhola na Bahia: saúde, política e medicina em tempos de epidemia (2009), Viroses Emergentes no Brasil (2008) e Vírus, Mosquitos e Modernidade: a febre amarela no Brasil entre ciência e política (2006) podem ser acessados livremente para um panorama sobre outras epidemias que já passaram pelo país.

Para informações mais aprofundadas sobre o papel e a trajetória do Sistema Único de Saúde (SUS) no país, livros como “Estado, sociedade e formação profissional em saúde: contradições e desafios em 20 anos de SUS” (2008), “O Que É o SUS” (2009) – um dos mais procurados da Editora Fiocruz –, “SUS: o desafio de ser único” (2012) e “Políticas e Sistema de Saúde no Brasil” (2008) são referências no campo e também estão na plataforma digital.

Das obras ligadas à depressão e à saúde mental, assuntos em voga durante períodos de isolamento e distanciamento social, “Ensaios: subjetividade, saúde mental, sociedade” (2000) é um importante exemplar em acesso aberto.

Para profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate à Covid-19, “Urgências e Emergências em Saúde: perspectivas de profissionais e usuários” (2005) e “Profissões de Saúde: uma abordagem sociológica” (1995) são referências que também estão disponíveis gratuitamente.

Muitos dos livros já esgotados no catálogo físico da Editora Fiocruz estão disponíveis no SciELO Livros. Obras das décadas de 1990 e 2000, mas que ainda são tidas como bases para pesquisas e trabalhos acadêmicos na área de saúde pública em diversas partes do mundo.

Se o acervo da Editora na plataforma online é extenso, a razão vem da sólida parceria entre ambas: ao lado das editoras da Universidade Federal da Bahia (EDUFBA) e da Universidade Estadual Paulista (Editora Unesp), a Editora Fiocruz fez parte, em 2011, do consórcio que liderou o desenvolvimento do Projeto SciELO Livros. A iniciativa contou com o apoio da Associação Brasileira das Editoras Universitárias (Abeu). A rede online começou a operar em 2012 e completou, em março deste ano, oito anos de fundação.

A antiga parceria rende frutos superlativos na participação da Editora na plataforma: dos atuais cerca de 92,5 milhões de downloads de livros na rede, aproximadamente 45,6 milhões são dos volumes da Editora Fiocruz. Os números mostram o interesse por pesquisas de excelência na área da saúde pública, lideradas pela instituição que é referência científica nas Américas.

De 2012 até o ano passado, a Editora lidera o ranking anual de número de acessos na plataforma. Em 2019, o total de downloads em ambos os tipos (aberto e comercial) da Editora Fiocruz foi de mais de 1,6 milhão. O número é contado pela metodologia COUNTER, que garante à Rede SciELO Livros uma contabilização feita da forma mais fiel possível, desconsiderando os acessos de possíveis robôs.

Além da grande quantidade de downloads, o crescimento da Editora Fiocruz dentro do consumo de informação na produção científica brasileira também é destaque. Para isso, vale ressaltar, segundo dados do próprio SciELO Livros, a vasta quantidade de países que consomem os produtos da Editora: além de Brasil e Portugal, Estados Unidos, Moçambique e Angola aparecem nas primeiras posições.

Em seu calendário de lançamentos previstos para 2020, a Editora disponibilizará os novos livros para aquisição comercial na rede antes de os exemplares físicos chegarem às livrarias. Diante das transformações sociais causadas pela pandemia e em meio a um contexto de maior distanciamento físico, a iniciativa amplia a participação da Editora Fiocruz no formato digital de amplo acesso.

“Esse movimento acena para a importância de estar com os livros onde o leitor possa acessá-los. Em tempos de necessário isolamento social, os livros online podem ser fundamentais alimento e companhia”, reforça João Canossa, editor executivo da Editora Fiocruz.

Editor científico da Editora, Gilberto Hochman compartilha a mesma impressão ao falar sobre a importância do acesso aos livros acadêmicos nos mais diferentes formatos. “O futuro do livro é o do conhecimento acessível e apropriável pelo maior número de leitores e progressivamente alinhado com a ciência aberta”, destaca o pesquisador da Casa de Oswaldo Cruz em artigo publicado na página SciELO em Perspectiva.

Para além da crise global de saúde, a plataforma é uma consolidação do importante espaço ocupado pelas editoras universitárias. “O SciELO Livros não é uma oferta passageira para degustação dos leitores em tempos febris. Não é uma ação eventual em emergências sanitárias. É parte integrante de uma política pública de acesso aberto ao conhecimento que vem se consolidando no Brasil há duas décadas e que vem mudando a ecologia da publicação científica nacional”, defende Gilberto Hochman.

Livros digitais e a política de acesso aberto da Fiocruz

Em tempos de pandemia e de enfrentamento ao maior desafio sanitário das últimas décadas, a busca pelo conhecimento científico de qualidade é mais essencial do que nunca. E no momento em que a ciência precisa combater inúmeras desinformações e descrenças, a difusão das pesquisas em saúde são ainda mais necessárias.

Para isso, a Fiocruz intensifica a sua Política de Acesso Aberto ao Conhecimento. A Editora Fiocruz integra a iniciativa e disponibiliza as suas obras em acesso livre também no Arca, repositório institucional coordenado pelo Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz).

Os títulos para acesso no Arca contemplam a mesma formatação em PDF daqueles que já estão no SciELO. O repositório traz ainda um complemento: o vídeo Editora Fiocruz – 25 Anos, produzido em 2018 a partir da parceria entre a Editora, o Icict/Fiocruz e a VideoSaúde Distribuidora da Fiocruz. Disponível para download em formato mp4, o vídeo aparece em versões com e sem legenda.

Com o Arca, a Fiocruz e a Editora buscam garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de obras intelectuais produzidas não somente pela instituição, mas também por pesquisadores próprios e parceiros, além das produções de diversas outras instituições de ensino e pesquisa de excelência.

Editora Fiocruz na Rede SciELO Livros

SciELO | Scientific Electronic Library Online

Link: books.scielo.org/fiocruz

Total de livros disponíveis: 285

Livros em acesso aberto: 182

Livros em acesso comercial: 103

Para mais informações sobre o SciELO Livros: books.scielo.org/scielo-livros

*Com informações da Fiocruz

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Bibliotecárias estão desenvolvendo coletânea para divulgar práticas profissionais em tempos de pandemias

Próximo post

FEBAB promove webinar sobre o Tratado de Marraqueche