0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Em 1911, Manoel Cícero Peregrino da Silva (1866-1956), o então diretor da Biblioteca Nacional – atualmente Fundação Biblioteca Nacional – estabeleceu um novo regulamento para a BN sendo aprovado pelo Decreto 8.835 de 11 de junho de 1911. Preocupado com a carência de formação do quadro de funcionários, ainda em 1911, criou nos porões da Biblioteca Nacional, o primeiro curso de Biblioteconomia do Brasil e o terceiro no mundo.

O curso foi criado em 1911, mas devido alguns problemas e entraves como a falta de professores para as disciplinas e a desistência dos inscritos, teve suas atividades iniciadas somente quatro anos depois, em 10 de abril de 1915, com a aula inaugural proferida por Constâncio Alves, bibliotecário, professor de bibliografia e diretor da seção de Imprensa da Biblioteca Nacional.

Constâncio Alves proferindo aula inaugural
Constâncio Alves proferindo aula inaugural

Em 1969, durante a ditadura civil-militar no Brasil, foi criada a Federação das Escolas Isoladas do Estado da Guanabara (FEFIEG). A criação da FEFIEG abarcou instituições tradicionais, dentre elas, o curso de Biblioteconomia da Biblioteca Nacional. Com a fusão dos estados da Guanabara e do Rio de Janeiro em 1975, a FEFIEG passou a se chamar Federação das Escolas Federais Isoladas do Estado do Rio de Janeiro (FEFIERJ) e, em 1975, foi institucionalizada como UNIRIO, onde atualmente estão alocados os cursos de bacharelado e licenciatura em Biblioteconomia.

Dando continuidade a esta história, a Escola de Biblioteconomia da UNIRIO está realizando o evento comemorativo intitulado: “100 anos de instalação da Escola de Biblioteconomia no Brasil: 1915 – 2015: Da biblioteca Nacional à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UNIRIO)”.  A homenagem será realizada no dia 09 de abril de 2015 a partir das 14h no auditório Vera Janacopulos, localizado na Avenida Pasteur, 296, Urca – Rio de Janeiro.

A programação do evento contará com apresentação do Coral do IBGE e três conferências com os professores: Raphaelle Mouren do Instituto Warburg; Affonso Celso de Paula, diretor da Escola de Biblioteconomia da UNIRIO no período de 1991-1992 e Hagar Espanha Gomes, bibliotecária e egressa do Curso de Biblioteconomia da Biblioteca Nacional de 1955.

Para maiores informações sobre este evento comemorativo acesse nossa agenda e confira as novidades.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Eric Nepomuceno: "É preciso usar a memória para construir o futuro"

Próximo post

Programa Carioca paga meia

Sem comentários

Deixe uma resposta