0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Desde 2009 acompanho o processo de criação de uma nova biblioteca pública para Manaus que vem sendo projetada na área portuária da cidade com recursos do Programa Mais Cultura, do Ministério da Cultura (MinC), numa parceria viabilizada com a Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e a Fundação Djalma Batista. Intitulada Casa de Leitura Thiago de Mello, o empreendimento quando concluído deverá trazer a público a primeira biblioteca temática de referência nacional que prestará homenagem a um dos poetas mais respeitados e influentes do país, o amazonense Thiago de Mello.

Casa de Leitura Thiago de Mello. Foto: Soraia Magalhães 

O espaço cultural deverá ser administrado pela Universidade Federal do Amazonas e, por esse motivo, no período em que morava em Manaus indaguei de vários colegas e professores de diferentes áreas ou mesmo bibliotecários dessa instituição, o que sabiam sobre os trâmites para os avanços da obra. Por incrível que pareça poucos sabiam que uma biblioteca estava sendo construída e que teria sua vinculação com a Universidade.

Ao longo de 2010 a 2012 realizei cinco visitas ao local para acompanhar o processo de transformação dos edifícios que farão parte do complexo cultural e durante esse período fotografei as principais mudanças, inclusive as relacionadas aos aspectos geográficos, como, por exemplo, a grande enchente de 2012 que invadiu a área onde um píer estava sendo construído.

Enchente no Amazonas (2012). Foto: Soraia Magalhães 

Nesse ano de 2013 não pude realizar nenhum tipo de acompanhamento, por isso aproveito para registrar por meio desse artigo dados sobre esse projeto que poderá gerar mudanças significativas para a área do Centro histórico da cidade de Manaus, oferecendo também novas possibilidades para a população em termos de acesso ao conhecimento e valorização da imagem amazônica com visibilidade para o rio e sua memória.

O Projeto

O projeto da Casa de Leitura Thiago de Mello nasceu da articulação entre a reitora da UFAM, Dra. Márcia Perales; o representante do Ministério da Educação (MEC); o diretor de Livro, Leitura e Literatura da Secretaria de Articulação Institucional, Fabiano dos Santos; a coordenadora de Orçamento e Finanças, Anita Távora, ambos do MinC; e o diretor Técnico Científico da Fundação Djalma Batista, Adriano Premebida.

Desde o princípio ficou acertado que o espaço cultural deveria atender a três grandes temas desenvolvidos por Thiago de Mello: o homem/condição humana; a floresta/meio ambiente; e América Latina/política, cultura e integração. A obra está sendo realizada com recursos do Ministério da Cultura e por meio do Instituto do Patrimônio Histórico Nacional (IPHAN)

Como deverá ser essa biblioteca?

É possível acompanhar as ideias do projeto por meio do vídeo institucional Casa de Leitura Thiago de Mello – Manaus, que oferece uma boa dimensão do que vai ser esse espaço e sua importância para o ambiente cultural e turístico da cidade. No antigo Prédio do Thesouro serão instalados a Sala de Leitura; os acervos bibliográficos e iconográficos; os espaços técnico-administrativos; e a exposição histórica. Já o Armazém 15 de Novembro abrigará o auditório, espaço infantil, midiateca e espaço de exposições temporárias.

Nas minhas primeiras buscas por informações sobre a Casa de Leitura, tive a colaboração da colega bibliotecária Rosenira de Oliveira que participou da equipe que inventariou todo o acervo do poeta em sua cidade natal, Barreirinha. Outro amigo que foi incansável em elucidar maiores informações sobre a relação da UFAM e sua parceria com o MinC para a execução do projeto foi o bibliotecário Raimundo Martins. A propósito, não estaria sendo justa se não alertasse que esse pequeno texto tem dados oriundos da curiosidade e interesse de nós três.

Da última vez em que visitei o local (em novembro de 2012) as madeiras para a construção do píer estavam sendo colocadas. A reforma dos dois edifícios estava em fase de conclusão e, ao que parecia, a obra de restauração estava em vias de ser concluída. Segundo o que me foi apontado, faltava apenas darem início a licitação para aquisição de mobiliário e decoração.

Reconstrução do píer. Foto: Soraia Magalhães 

Gostaria de saber a previsão de entrega dessa obra. Se agora escrevo apontando informações sobre o tema é a forma que eu encontrei de despertar aos interessados por bibliotecas sobre o andamento de um espaço que já tem mais de três anos que segue sendo preparado e que talvez já devesse ter sido entregue ao público.

Manaus é uma cidade que precisa de investimentos no campo da cultura e por isso espero que a Casa de Leitura Thiago de Mello, quando em atividade, contribua para o crescimento sociocultural da população, oferecendo um ambiente propício para ações em prol da valorização da cultura regional, da preservação da memória, do acesso ao livro e da leitura, gerando, por conseguinte, inclusão social em meio às formas de conhecimento.

Assista abaixo o vídeo de apresentação da Casa de Leitura Thiago de Mello:

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Charge Edição 22

Próximo post

Manifestações de julho

3 Comentários

  1. 2 de agosto de 2013 a 8:08 — Responder

    Uau, que interessante! Não sabia oh. Espero que inaugurem logo.

  2. Neida
    7 de agosto de 2013 a 21:27 — Responder

    Muito bom.Estive nesses dias em Manaus,visitei a biblioteca Pública e fiquei apaixonada pela biblioteca

  3. Marcus Prado
    18 de dezembro de 2013 a 14:39 — Responder

    Amiga
    sou jornalista >> coordenador de comunicação da Fliporto – http://www.fliporto.net

    preciso com urgencia saber o contato de Thiago de Melo. Me ajude

    marcuspradoimprensa@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *