2
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Acontece nesta terça-feira (10),  às 14h, no salão nobre da Câmara dos Deputados, o lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Livro, da Leitura e da Escrita. Dentre alguns dos desafios da Frente estão a construção da Política Nacional da Leitura e Escrita e os planos estaduais e municipais do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas.

Encabeçada pelo senador Jean Paul Prates (PT/RN) e a deputada Fernanda Melchionna (PSOL/RS), a Frente tem como um dos objetivos debater e cobrar a aplicação da lei 12.244/2010, que obriga a instalação de bibliotecas em todas escolas até 2020. A atuação da Frente será em conjunto com a sociedade, através da realização de audiências públicas, encontros e seminários.

A Frente também pretende pressionar pela implementação do Plano Nacional do Livro e da Leitura e analisar as diversas leis que tratam do tema, ainda não regulamentadas no país, bem como acompanhar e lutar contra o desmonte de programas importantes como o Programa Nacional do Livro Didático e Programa Nacional Biblioteca da Escola que promovem a democratização do acesso ao livro e a leitura nas escolas.

“É um absurdo o Rio Grande do Sul ter apenas 20 bibliotecários atuando em mais de 2 mil escolas estaduais do estado e desde a década de 90 não ter concurso público para a contratação desses profissionais. Com a frente, quero fortalecer a luta por um Brasil mais leitor e pela valorização e reconhecimento da profissão do bibliotecário”, disse a deputada.

Em entrevista à Biblioo em dezembro do ano passado, Melchionna, que é bibliotecária de formação, havia assumido o compromisso de trabalhar pelo restabelecimento do Frente, uma demanda importante dos setores ligados aos segmentos de livro, leitura e bibliotecas.

Bibliotecas Comunitárias marcam presença

A Rede Nacional de Bibliotecas Comunitárias (RNBC), parceira da Biblioo, marca presença no evento com Viviane Peixoto, da Redes de Leitura- Bibliotecas Comunitárias do Rio Grande do Sul e Rafael Mussolini da Rede Sou de Minas, Uai de Minas Gerais,  que integram o Grupo de Trabalho em Incidência Política da rede nacional.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

“Onde se queimam livros, acaba-se queimando pessoas”

Próximo post

Reflexões sobre algumas tragédias