0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Do Jornal do Brasil

A Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro chega à sua 17ª edição a partir desta quinta-feira (3) até 13 de setembro, no Riocentro. A feira, criada para promover o livro e a literatura, reúne as mais importantes editoras e livrarias do Brasil, editoras internacionais e autores independentes, além de bibliotecas, institutos, fundações e outras entidades ligadas à cultura e à educação. A edição deste ano homenageia a Argentina e recebe mais de 100 autores. O grande homenageado é o criador da Turma da Mônica, Mauricio de Sousa, que completa 80 anos de vida. A Petrobras participa da feira com um estande de 100 m² com conteúdo inspirado na Revista Conhecer, editada pela companhia.

A edição deste ano vai bater o recorde de autores presentes: serão mais de 200 de diversos estilos, incluindo 27 estrangeiros. A produção brasileira contemporânea estará representada por autores de ficção, poesia, ensaios, biografias, fantasia, história, política, negócios, comportamento, moda, música, sociedade, humor, quadrinhos, clássicos infantis e educação, entre outros. Entre os destaques internacionais David Nicholls (Um Dia), Julia Quinn (Os Bridgertons), Leigh Bardugo (Grisha), Raymond E. Feist (O Mago), Colleen Hoover (Hopeless), Jeff Kinney (Diário de um banana) e Pedro Chagas Freitas, fenômeno de vendas em Portugal, que lança Prometo falhar. Da delegação argentina estarão presentes grandes nomes como Martín Kohan (Segundos fora), Tamara Kamenszain (O gueto/ O eco da minha mãe), Eduardo Sacheri (O segredo dos seus olhos), Claudia Piñeiro (As viúvas das quintas-feiras), entre outros.

Estande da Petrobras

Inspirado no livro 20.000 Léguas Submarinas, de Júlio Verne, o estande da Petrobras na Bienal do Livro levará os estudantes a uma viagem ao fundo do mar inspirada na Revista Conhecer. A publicação, que é editada pela Comunicação Institucional da Petrobras e pela Editora MOL, é voltada para estudantes e traz informações e curiosidades sobre ciência e tecnologia, invenções e descobertas e sobre como as coisas funcionam. Além do conteúdo da Revista Conhecer, os visitantes também poderão assistir a um vídeo produzido exclusivamente para a Petrobras pelo grupo Nerdolândia, que faz sucesso no Youtube promovendo a cultura nerd.

Também durante a Bienal, o autor Nei Duclós apresenta o livro “Tudo o que pisa deixa rastro”, patrocinado pela Petrobras. O lançamento está marcado para o dia 5 no estande do próprio autor (C18) no Pavilhão Laranja. No dia 7, às 16h, no Pavilhão Verde, Duclós vai participar do fórum Abordagem Literária da Guerra da Independência, exposição com debate sobre a Guerra da Independência abordada em seu romance. Nos dias 8 e 10, também às 16h, o autor realiza duas atividades em seu próprio estande. No dia 8, ele fará uma oficina com o público sobre como escrever e editar o próprio livro. Já no dia 10, Nei faz uma leitura de alguns poemas dos seus livros Outubro (1975), No Meio da Rua (1979), No Mar, Veremos (2001), e Partimos de Manhã (2012), que estarão expostos no estande.

Mais informações sobre a Bienal do Livro no site www.bienaldolivro.com.br.

Bienal Internacional do Livro

Onde: Riocentro – Av. Salvador Allende 6555 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro-RJ

Ingressos: Os ingressos custam R$ 16 e R$ 8 (meia).

Dias: De 3 a 13 de setembro

Horários:

Dia 3 de setembro: 13h às 22h

Dias de semana: 9h às 22h

Fins de semana: 10h às 22h

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

I Fórum Internacional de Direito do Entretenimento

Próximo post

Bibliotecas: metamorfose ou morte?

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *