0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Da Tribuna Hoje

A Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos, equipamento da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), dá o primeiro passo para a formação da Rede de Leitura Inclusiva em Alagoas. Em parceria com a Fundação Dorina Nowill para Cegos, a Biblioteca Pública promove o primeiro encontro no dia 23 de julho, às 9h30.

Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos. Foto: Maria Tereza Pereira
Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos. Foto: Maria Tereza Pereira

A Rede de Leitura Inclusiva reúne diversas organizações e pessoas comprometidas em ampliar as oportunidades de acesso ao livro e a leitura para as pessoas com deficiência. Essa proposta se constrói a partir da possibilidade de diálogo entre os participantes como educadores, mediadores de leitura, governos, agentes de bibliotecas e de organizações sociais, trocando experiências de ações já realizadas e construindo novas atividades em parceria.

No encontro, serão apresentados a pesquisa sobre Leitura Inclusiva, a proposta da rede, o levantamento de oportunidades locais e a criação de uma agenda inclusiva colaborativa.

Os interessados devem fazer a inscrição no endereço eletrônico https://bit.ly/1CLEoOl.

A Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos está localizada no centro de Maceió e funciona de segunda à sexta, no horário das 9h às 17h, sem intervalo para almoço. O espaço conta com atendimento telefônico para agendamento de visitas, pelo número 3315-7877.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

O que falta para as bibliotecas se realizarem de fato no Brasil?

Próximo post

Adriana Cybele Ferrari, presidente da FEBAB

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *